Motorista sofre acidente enquanto voltava do velório da mãe e carro fica preso entre parede e árvore

0
9
motorista-sofre-acidente-enquanto-voltava-do-velorio-da-mae-e-carro-fica-preso-entre-parede-e-arvore
Motorista sofre acidente enquanto voltava do velório da mãe e carro fica preso entre parede e árvore

Acidente aconteceu em avenida de Colinas do Tocantins. Irmão relatou que a vítima estava sem dormir e teria passado mal.


Caminhonete ficou presa entre árvore e parede de casa durante acidente — Foto: PM/Divulgação

Uma caminhonete ficou presa entre uma árvore e a parede de uma casa após bater em uma moto que estava estacionada na calçada. O acidente aconteceu na noite de domingo (24) em Colinas do Tocantins, região noroeste do estado, após ele sair do velório da própria mãe.

A Polícia Militar (PM) informou que o motorista tem 26 anos e apresentava sinais de sonolência e princípio de convulsão. Ele não teve lesões, mas foi encaminhado ao hospital e ficou em observação durante à noite.

Conforme os bombeiros, um irmão relatou que a vítima voltava do velório da mãe, estava com sobrecarga emocional e sem dormir.

Ainda conforme a PM, o condutor disse aos militares que estava no velório de sua mãe e começou a sentir cólicas abdominais. Neste momento, ele pegou o veículo para ir à farmácia comprar um medicamento e no caminho só se recorda que apagou na direção.

Após o acidente ele ficou sentado até a chegada da equipe médica.

A condutora da motocicleta que foi atingida contou aos policiais que tinha acabado de estacionar e quando estava na calçada, na porta de uma igreja, viu a caminhonete em alta velocidade batendo na moto, que também acabou atingindo outro carro.

O dono da casa atingida pela caminhonete não estava no local, no momento do ocorrido.

Durante o atendimento, os bombeiros abriram o capô do veículo com o auxílio de uma ferramenta e cortaram os cabos da bateria para prevenir um incêndio, pois houve vazamento de combustível. A perícia técnica foi acionada e esteve no local. Os envolvidos foram orientados a procurar a Delegacia de Polícia Civil para registrar o fato.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui