VÍDEO: Policiais ajudam mãe desesperada a salvar bebê de oito dias que se engasgou na amamentação

0
13
video:-policiais-ajudam-mae-desesperada-a-salvar-bebe-de-oito-dias-que-se-engasgou-na-amamentacao
VÍDEO: Policiais ajudam mãe desesperada a salvar bebê de oito dias que se engasgou na amamentação

O recém-nascido tinha apenas oito dias. O soldado da PM Emerson Leite atendeu a ligação da mãe desesperada, que disse que o bebê tinha se engasgado quando estava sendo amamentado. Assim, ele e outros quatro colegas foram até a casa da família na sexta-feira (8).

“Tentei acalmá-la de início e passar as orientações. […] Num primeiro momento ela logrou êxito em fazer as manobras”, disse, explicando ainda que pelo telefone, tentou passar informações para que a mãe conseguisse ajudar o filho.

PM salvando bebê em Araguaína — Foto: Divulgação

Mas quando os militares chegaram, o bebê já estava com uma coloração roxa, segundo o tenente Valdetônio Guedes. “Neste momento, pegue a criança no braço. Muito pequenina, só oito dias de nascida, e ainda torna mais difícil fazer essa manobra. A criança graças a Deus começou a retornar a coloração. A gente foi acalmando a mãe, porque a criança dela já estava restabelecendo a respiração”, disse.

Nessas horas, a população pode contar com a ajuda de pessoas que dominam as técnicas de salvamento, como os policiais militares. Eles utilizam uma manobra chamada Heimlich, em que a criança é deitada de bruços e com o corpo inclinado em uma das mãos e com a outra, são dadas leves batidas nas costas.

Policiais militares salvam vidas de recém-nascidos em Araguaína

Policiais militares salvam vidas de recém-nascidos em Araguaína

Policial militar dez manobra para bebê desengasgar — Foto: Divulgação

Coincidência

Em novembro do ano passado, o soldado Emerson também ajudou outra mãe que passou pela mesma situação. Coincidentemente, o bebê também era um menino de oito dias de vida.

“Nessa ocasião foi realizado o mesmo procedimento, as mesmas orientações. Novamente a mãe, por ser mãe e pela proximidade, muito abalada, mas graças a Deus uma viatura conseguiu chegar em um curtíssimo espaço de tempo e realizar o atendimento”, relembrou o soldado.

Cuidados

Crianças pequenas têm muita facilidade em se engasgar, segundo a mécica pediatra Elena Medrado. Por isso as mães devem observar a forma que estão amamentando os filhos.

“A criança sempre tem que ser amamentada mais elevada. Então você nunca pode amamentar o seu filho em declínio. É sempre a mãe sentada e após amamentar, a criança tem que ficar de 20 a 30 minutos ‘em pezinha’, e depois colocar ao berço”, alertou.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Pediatria, crianças do sexo masculino, na faixa etára de 1 a 3 anos são as que mais se engasgam.

“A gente recebe muita criança com corpo estranho no nariz, no ouvido e, consequentemente engasgada, porque quando essa criança pega esse corpo estranho e põe na boca, e fica engasgada, ela vai obstruir as vias aéreas superiores, com isso não vai passar o ar. Então é onde a criança corre o risco de levar á asfixia e à morte”, explicou a médica.

Outro caso

Em Alvorada, no sul do estado, uma mãe também passou por esse desespero com o filho recém-nascido e recebeu ajuda da sargento Cíntia Maria Antunes do Vale, médica da Polícia Militar. O salvamento aconteceu na terça-feira (11).

Conforme a PM, a policial também realizou a manobra de Heimlich e a criança foi examinada, ficando fora de perigo. Os pais também foram orientados sobre o que fazer caso a criança volte a se engasgar.

Policial salvou a vida de bebê que se engasgou em Alvorada — Foto: Divulgação/PM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui