Estudante que tirou nota mil na redação do Enem no Tocantins estudava 7 horas por dia e sonha em cursar medicina

0
25
estudante-que-tirou-nota-mil-na-redacao-do-enem-no-tocantins-estudava-7-horas-por-dia-e-sonha-em-cursar-medicina
Estudante que tirou nota mil na redação do Enem no Tocantins estudava 7 horas por dia e sonha em cursar medicina

Em todo o país, 60 pessoas tiraram a nota máxima na redação. O estudante terminou o ensino médio na Rede de Ensino e Propósito (REP) em Paraíso, no ano passado. Enquanto estudava, Matheus assistia aulas online e trabalhava com o pai.

“A minha rotina se resumiu a frequentar a escola de manhã e também de tarde algumas vezes. Eu estudo em casa. Fazia exercícios, assistia vídeo aula para complementar. Eu estudava mais ou menos umas 5 horas pela manhã, no colégio mesmo. E quando eu não ia para a escola à tarde, eu estudava umas duas horinhas ou três”.

O tema da redação do Enem 2023 foi sobre os “desafios para enfrentamento da invisibilidade do trabalho de cuidado realizado pela mulher no Brasil”. O assunto não era o esperado por Matheus, que chegou a ter um ‘branco’ no início da prova.

“Não, eu não imaginava, mas no começo deu um branco, né? Pensei que não ia conseguir escrever nada, mas com o decorrer do tempo eu consegui expor minhas ideias e deu tudo certo, graças a Deus”, disse.

O jovem chegou a fazer o Enem enquanto estava no primeiro e segundo ano do ensino médio. A experiência com a prova o ajudou a conquistar a nota máxima no exame. Quando soube do resultado estava no trabalho com pai, que foi o primeiro a receber a notícia.

“Não esperava tirar essa nota. Eu fiquei muito surpreso. Eu estava no trabalho quando vi. Sempre fui bom em redação, porém nunca deixei de lado o foco e treinamento. Fazer redação toda semana é importante. Eu fiz o Enem no primeiro e no segundo ano e no terceiro eu não fiz o cursinho. Somente o ensino médio mesmo”, contou.

Agora Matheus aguarda para entrar em uma universidade. O seu sonho é utilizar a nota para ingressar no curso de medicina, pela rede pública de ensino. “Foi um desempenho satisfatório, a média chegou ali próximo de 750, talvez eu consiga ingressar no curso que eu estou querendo”.

Todo esse esforço não é novidade para quem acompanha Matheus. Para a diretora, Fernanda Cardoso, as notas representam o trabalho duro do estudante. “É um menino super dedicado. Ele é extremamente responsável, sempre foi muito focado, centrado”.

Universidades no Tocantins

Quem fez o Enem poderá utilizar a nota para entrar nas universidades públicas do Tocantins, por meio do Sistema de Seleção Unificada (SISU). As inscrições iniciam no dia 22 e vão até o dia 25 de janeiro.

A UFT irá ofertar 688 vagas para 35 cursos. Já a UFNT terá 280 vagas para 15 cursos ministrados presencialmente.

O resultado final da chamada regular do Sisu será divulgado no dia 30 de janeiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui