Marido e sobrinho são suspeitos de feminicídio após corpo de mulher ser encontrado submerso na lama

0
45
marido-e-sobrinho-sao-suspeitos-de-feminicidio-apos-corpo-de-mulher-ser-encontrado-submerso-na-lama
Marido e sobrinho são suspeitos de feminicídio após corpo de mulher ser encontrado submerso na lama

Após o corpo de uma mulher ser encontrado em uma poça de lama na zona rural de Taguatinga, no sudeste do Tocantins, o marido e sobrinho da vítima foram apontados como supostos autores do crime. Eles acabaram presos e indiciados por feminicídio nesta segunda-feira (18).

A vítima, de 54 anos, foi localizada no dia 4 de dezembro deste ano. Segundo a Polícia Civil, ela estava quase submersa em uma água barrenta acumulada em uma barragem. Era possível ver somente o nariz, boca, tórax e mãos da vítima.

Ela foi identificada pela polícia e perto do cadáver estavam uma xícara azul, um par de chinelos femininos, cor bege, um relógio de pulso com pulseira danificada e outros objetos que ajudaram na investigação, disse o delegado Lucas de Oliveira Rodrigues, responsável pelo caso.

A mulher teria morrido, conforme a polícia, após ser atingida com um pedaço de madeira na região do pescoço. Também foi o enforcada com ‘mata-leão’, golpe em que o pescoço da vítima é apertado.

A polícia descobriu que o jovem de 22 anos, que a mulher considerava como, estava morando com ela há cerca de um mês. Mas eles teriam se desentendido por causa do furto de um celular, que a mulher acreditava ter sido cometido pelo sobrinho.

Os dois homens foram presos em cumprimento a mandados de prisão e indiciados pelo crime de feminicídio. Após os procedimentos do caso, seguiram para a Cadeia Pública de Taguatinga e estão à disposição do Poder Judiciário.

“O fato investigado é mais um exemplo do ciclo de agressões existente na violência baseada no gênero. A dispensa do cadáver em uma barragem, construída para conter as águas da chuva, é indicativo do desprezo relegado à vítima pelos investigados”, disse o delegado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui