PF investiga grupo suspeito de fraudar contas bancárias e roubar mais R$ 1 milhão

0
26
pf-investiga-grupo-suspeito-de-fraudar-contas-bancarias-e-roubar-mais-r$-1-milhao
PF investiga grupo suspeito de fraudar contas bancárias e roubar mais R$ 1 milhão

Mais de 20 pessoas tiveram dados usados nas fraudes bancárias, segundo a polícia. A operação investiga crimes ocorridos contra a Caixa Econômica Federal em Palmas.


PF investiga fraudes bancárias em Palmas — Foto: Reprodução/Polícia Federal do Tocantins

A Polícia Federal do Tocantins investiga casos de fraudes bancárias contra a Caixa Econômica Federal em Palmas. Segundo a polícia, o banco teve um prejuízo superior a R$ 1 milhão. As investigações também apontam que 22 pessoas tiveram os dados utilizados nas fraudes.

A operação ‘Decies Cetena Milllia’ foi realizada na manhã desta quinta-feira (7). Foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão expedidos pela 4ª Vara da Justiça Federal em Palmas.

Segundo a PF, as investigações buscam identificar os suspeitos envolvidos no crime e saber para onde o dinheiro estava sendo destinado. As suspeitas, segundo a polícia, é que os valores estavam sendo usados em casos de lavagem de dinheiro.

Foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão em Palmas — Foto: Reprodução/Polícia Federal do Tocantins

As investigações também apontaram que as fraudes eram feitas por meio de abertura de contas e obtenção de créditos como financiamento e cartão de crédito.

Os indiciados poderão ser responsabilizados pela prática dos crimes de associação criminosa, estelionato qualificado e peculato. As penas somadas podem chegar a mais de 20 anos de prisão.

Segundo a Polícia o nome da operação ‘Decies Cetena Milllia’ faz referência ao montante do prejuízo causado à empresa pública federal. O nome significa ‘um milhão’ em latim.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui