Moradores relatam medo de torre de transmissão escorada em postes:

0
30
moradores-relatam-medo-de-torre-de-transmissao-escorada-em-postes:
Moradores relatam medo de torre de transmissão escorada em postes:

“Eu moro algumas casas após a torre e o medo é eminente. Só queríamos a nossa sensação de segurança outra vez”, contou um morador que pediu pra não ser identificado.

Nesta quinta-feira (29) a Energia instalou um novo poste de concreto e começou a transferir os cabos de transmissão. A concessionária disse a substituição está prevista para terminar nesta sexta-feira (1º). A linha de transmissão das proximidades do local foi reforçada com novos postes, retirando da torre a carga e peso da rede. Em nota, a Energia ainda informou que um laudo técnico foi gerado após inspeção da estrutura, deixando claro que não há risco de queda. (Veja a nota completa abaixo)

A preocupação com essa torre de alta tensão começou no dia 26 de outubro, depois que um caminhão atingiu a estrutura, construída bem no meio de uma pequena rotatória no bairro Araguaia II.

A concessionaria tinha feito um trabalho paliativo escorando dois postes de concreto na torre de transmissão. Segundo o Ministério Público, há risco iminente de desabamento.

Linhas de transmissão começaram a ser instaladas em poste — Foto: Energisa/Divulgação

Na semana passada a Justiça deu prazo de 48 horas para a Energisa e o município de Colinas do Tocantins resolverem a situação, após um pedido do Ministério Público.

Depois disso, a Energisa colocou mais um poste próximo e prendeu a torre com cintas de amarração para começar a troca dos cabos de lugar.

“Os moradores ainda sentem medo de uma possível tragédia. O fato deles terem colocado mais um poste não minimizou o medo, pois quando chove e venta, a torre balança muito, a base dela tá muito fofa”, disse o morador.

Veja a nota completa da Energisa:

Sobre o caso da torre de transmissão localizada no município de Colinas do Tocantins, a Energisa esclarece que vem atuando no caso desde o dia 26 de outubro, quando uma carreta, que não tinha permissão para transitar naquela área, abalroou e danificou a estrutura. No mesmo dia do ocorrido, a torre foi submetida a uma análise, passou por procedimentos técnicos que garantiram a segurança do local e o fornecimento de energia da região. Um laudo técnico foi gerado após inspeção que garante a plena segurança da estrutura, deixando claro que não há risco de queda.

Além de todas as medidas tomadas na estrutura, a linha de transmissão das proximidades do local foi reforçada com novos postes, retirando da torre a carga e peso da rede. A obra de substituição da torre está em andamento e a previsão de conclusão é nesta sexta-feira, 1º. Todas as medidas adotadas neste processo respeitam os procedimentos e normas técnicas de segurança.

A Energisa reforça seu compromisso com a população, prezando pela transparência de todo o processo e segurança de todos. Durante todo o caso, após os danos causados pelo abalroamento, a Distribuidora atuou com integridade, garantindo a prestação do serviço e fornecimento de energia para os clientes da região, que não foi interrompido por nenhum dia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui