Idoso condenado a 14 anos por cometer estupros contra a enteada é preso

0
35
idoso-condenado-a-14-anos-por-cometer-estupros-contra-a-enteada-e-preso
Idoso condenado a 14 anos por cometer estupros contra a enteada é preso

Segundo a Polícia Civil, abusos começaram quando a vítima era criança e se estenderam até a adolescência. Ele foi localizado em Porto Nacional.


8ª Delegacia da Mulher e Vulneráveis investig — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Um idoso de 63 anos com condenação pelo crime de estupro de vulnerável foi preso em Porto Nacional, região central do estado, nesta segunda-feira (27). Ele tem que cumprir uma pena de 14 anos em regime inicialmente fechado por cometer abusos contra a própria enteada.

De acordo com a investigação da Polícia Civil, a vítima foi até uma delegacia para denunciar o crime em 2021, quando tinha 19 anos. Durante depoimento, ela contou que começou a ser estuprada pelo padrasto quando era criança e foi vítima do condenado até a adolescência.

A Delegacia de Atendimento à Mulher e Vulneráveis da cidade deu início à investigação após a denúncia e o caso foi parar no Judiciário. O acusado foi julgado e recebeu a pena de 14 anos de prisão.

Durante a manhã, os policiais da 7ª Divisão de Combate ao Crime Organizado cumpriram mandado de prisão expedido pela 1ª Vara Criminal de Porto Nacional.

Ele foi levado para a 11ª Central de Atendimento e depois seguiu para a Unidade Penal Regional de Porto Nacional, para começar a cumprir de pena.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui